Rosália Martins Machado, de 93 anos, morreu no domingo (27) após cair de uma maca e bater a cabeça enquanto chegava em casa, pouco depois de ter recebido alta da Unidade de Pronto Atendimento de Paranaguá (PR) por um quadro de infecção urinária. As informações são do Uol.

A queda causou traumatismo craniano mas só foi constatada dois dias depois, pois a família a deixou no quarto para descansar e só percebeu danos cerebrais depois.

Ainda segundo os parentes da vítima, no dia em que recebeu alta da unidade de saúde, Rosália estava com um inchaço na perna e não andava. Por isso, foi levada de ambulância para casa. Assim que chegou na residência, o motorista retirou a paciente do veículo, sozinho, no dia 23 de fevereiro.

“Quando chegaram, a minha irmã saiu para arrastar os móveis de casa e, em seguida, o motorista a retirou da ambulância e desafivelou a presilha que segurava a maca, que era bem alta, e foi aí que ela caiu. Ela bateu a cabeça em uma escrivaninha e depois caiu no chão”, explicou Daniele.

A Polícia Civil do Paraná investiga o caso. Em nota ao Uol, a Prefeitura de Paranaguá informou que “a Secretaria Municipal de Saúde está aguardando o Documento de Óbito, está acompanhando a situação e aguardando os dados oficiais da paciente para tomar as medidas cabíveis, caso necessário”.

Fonte indicada e adaptada: UOL

RECOMENDAMOS






Colha o dia, aproveite o momento...