Um porta-voz da delegação ucraniana disse que “houve entendimento” para a criação de corredores humanitários para a entrada de provisões e a retirada de civis.

Ele disse ainda que há um acordo que envolve um possível cessar-fogo temporário durante a retirada.

Entenda:

putin - Rússia e Ucrânia farão 3ª rodada de negociação

A Rússia não reconhece as ofensivas ao território ucraniano como uma invasão ou guerra.

“Nosso exército e a população de Donbass estão sendo heróis”, disse Putin. “A operação especial ocorre como esperado”.

Ele acusa os ucranianos de “amedrontarem a população” com uma propaganda nacionalista – que comparou com as da época nazista.

Ele acusou novamente os nacionalistas ucranianos de usarem civis como escudo e disse que a Rússia oferece construir corredores humanitários para o leste.

ucrania - Rússia e Ucrânia farão 3ª rodada de negociação

Já o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse que a “única maneira de parar a guerra”, enquanto as negociações estão em andamento, é que ele fale diretamente com o presidente russo Vladimir Putin.

“Eu preciso falar com Putin… porque essa é a única maneira de parar esta guerra”, disse Zelensky.
Ele pediu novamente ajuda da comunidade internacional para garantir a segurança em seu território.

“Nós buscamos a liberdade”, disse Zelensky.

“Eu tenho medo, obviamente, de que meus amigos morram. Eu, como presidente da Ucrânia, não tenho direito a ter medo de morrer. Claro que dentro de mim, eu sinto dor. Temo pelos entes queridos. Eu tenho medo de não ter mais meu país. Eu tenho medo. O que vamos dizer a nossos filhos?”

Fonte indicada e adaptada: G1

RECOMENDAMOS






Colha o dia, aproveite o momento...