Fonte g1

O cantor Nego do Borel foi encontrado no começo da tarde desta terça-feira (5) em um motel em Vila Isabel, na Zona Norte do Rio. Ao chegar à Cidade da Polícia para depor, o funkeiro fez gestos obscenos (assista acima).

A família de Nego tinha registrado o desaparecimento do funkeiro nesta segunda-feira (4). A mãe de Nego, Roseli Viana Gomes, contou na 42ª DP (Recreio) que, no último domingo (3), tentou impedir que Nego saísse de casa. O cantor não obedeceu e, desde então, não tinha dado mais notícias.

O g1 apurou que Nego do Borel estava em um quarto do Hotel Corinto ao lado de duas mulheres.

A polícia chegou a enviar equipes a a Itacuruçá, na Costa Verde fluminense, após ter recebido informações de que o funkeiro tinha sido visto naquele distrito de Mangaratiba na tarde desta segunda.

A mãe do cantor Nego do Borel, senhora Roseli Viana Gomes, registrou o desaparecimento do artista nesta segunda-feira (4) na 42ª DP (Recreio). As buscas ficarão a cargo da Delegacia de Descoberta de Paradeiros.

O desaparecimento de Borel ocorreu por volta do meio dia e a mãe foi alertada pelos amigos sobre o ocorrido. Pessoas que convivem com o cantor afirmam que ele está enfrentando depressão nos últimos dias.

O colunista Leo Dias procurou a assessoria de imprensa de Borel, que confirmou o desaparecimento e afirmou que a família está desesperada.

A equipe ainda relatou que o artista tem apresentado oscilações no humor, alternando momentos em que parece estar bem com outros, em que chora copiosamente.

Nos últimos tempos, o cantor ganhou os noticiários nacionais não exatamente por seu talento musical. Em setembro, a Polícia Civil abriu inquérito para investigar Nego do Borel, que tem 29 anos, por suspeita de estupro de vulnerável contra a modelo Dayane Mello durante o reality show “A Fazenda 13”, da TV Record, em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo. Segundo os participantes, Dayane Mello estava embriagada quando se deitou com ele.

RECOMENDAMOS






Colha o dia, aproveite o momento...