Um amigo cachorro como todos os outros, porém, esse da raça dachshund, que todos chamam de “salsicha”, infelizmente ele foi submetido à eutanásia por engano, em que por falta de comunicação o veterinário pediu permissão para o dono de um outro cão que estava em outra situação. O acontecido deixou a família em desespero.

O jornal The Sun, junto a dona do cãozinho, Andrea Martinez, viu seu cachorro vomitando em um sábado de noite(7) e decidiu levá-lo para a clínica da Utah, nos Estados Unidos.

Ziggy, como é chamado o “salsicha”, estava com um bloqueio intestinal e era necessário uma cirurgia. Porém, viram durante a cirurgia que não seria como pensaram… Era necessário uma cirurgia mais complexa e também mais cara.

Um funcionário foi então entrar em contato com a família de Ziggy, mas acabou ligando para o dono de outro Ziggy, outro cãozinho com o mesmo nome e infelizmente o dono deste outro cão optou pela eutanásia, mas não sabia que aquele Ziggy não era o seu.

Andrea disse que recebeu a ligação 2h30 da manhã sendo informada que seu cãozinho havia morrido. Ela publicou no Facebook um desabafo: “Eles deixaram um estranho decidir o destino do meu cachorro. Eles me roubaram a opção de dizer ‘pelo menos tentamos. Eu me sinto tão doente e não consigo parar de chorar”.

O elo entro o cachorrinho e sua dona era muito forte, ela conta que onde fosse ele vinha acompanhando e dormia agarradinhos todas as noites. Martinez também tem uma filha em que Ziggy era seu melhor amigo.

“Como você diz a uma criança de seis anos que sua melhor amiga morreu e não tivemos a opção de tentar de tudo para impedi-lo de morrer”, perguntou Martinez.

Segundo a mãe do cachorrinho, o veterinário pediu desculpas e além de não cobrar pelo atendimento, ofereceu uma urna para as cinzas de Ziggy e um enfeite de árvore de Natal com a impressão da pata do cãozinho.

Fonte indicada e adaptada: TNH1

COMENTÁRIOS




Lucas Mendes
Viciado em games, estudante de Educação Física na UFG, pai da Elisa (que ainda está pra nascer) e apaixonado por futebol. Em parceria com minha namorada Mariana, criamos a Carpe Diem com o objetivo de espalhar notícias boas e positivas. sempre antenados com a preservação ambiental.