Precisamos falar sobre Fábio Assunção. Há alguns dias o ator deu uma entrevista a Veja, onde contou a experiência de ter seus piores momentos sendo compartilhados como memes.

O ator que sofria de um sério vício de drogas, foi transformado em um bordão para aqueles que levam um estilo de vida regrado a festas com drogas e bebidas.

Como retrata em um texto que viralizou na internet, Luide Matos escreveu “O que você faria se algo que te destrói se transformasse em piada nacional? Se seus piores momentos se tornassem memes? Se o seu vício fosse um bordão? É isso que Fábio Assunção vive há alguns anos.”

Os vídeos, que se tornaram virais, faziam cada vez mais sucesso, enquanto Fábio estava na verdade em uma luta contra o sério vício em cocaína. “Ai veio o segundo vídeo. O terceiro. E somente quem não percebeu que aquilo não era engraçado, mas sim um ser humano viciado em mais uma crise, seguiu repetindo “Fábio Assunção”. disse Luide.

“Fábio Assunção não deveria ser mártir nem exemplo pra ninguém. Ele é só um cara, lutando contra seus demônios. Eu tenho os meus, você tem os seus. A gente luta pra vencer todo dia, mas muitas vezes a gente perde. A ressaca da derrota é terrível, porém, mais terrível ainda é saber que ela virou piada.” completou Luide perfeitamente sobre o tema.

Fábio disse em entrevista que ainda o medo da compulsão é algo presente em sua vida mas reverteu todas aquelas atitudes de muita desumanidade em um ponto positivo na vida de muitas pessoas: todos os ganhos obtidos com o clipe “Fábio Assunção” foi revertido a clínicas de reabilitação de dependentes químicos. Veja o vídeo:

Confira o texto de Luide Matos na íntegra clicando aqui

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Mariana Marques
Sou estudante, apaixonada por Harry Potter, mãe da Elisa (que está pra nascer) e decidi criar, juntamente com o meu namorado Lucas, a Revista Carpe Diem. Vamos falar de temas atuais, sempre com foco na sustentabilidade e na divulgação de ações humanitárias.