Rosa María Martínez, uma imigrante venezuelana que vive na Espanha, foi ovacionada de pé recentemente após se apresentar no programa musical ‘Got Talent España’.

“Você representa tudo o que temos que nos orgulhar”, disse o apresentador Risto Mejide à Rosa.

Sua apresentação foi alçada à perfeição pelos jurados, que também aproveitaram para agradecer ela por ter ajudado o país no combate à pandemia de covid-19. Ela é enfermeira e esteve na linha de frente contra a Covid.

121073340 d42b1d6d 57e4 4641 9be1 d4f31a46b46a - Imigrante venezuelana que cantava debaixo de ponte na Espanha vira estrela de programa de TV

Leia também: Marcos Mion vai às lágrimas ao falar do filho, Romeo: ”Ele precisa de reconhecimento”

Para os jurados, Rosa representou os idosos (de quem ela cuida como enfermeira), os profissionais de saúde e também o talento dos artistas. Na disputa, Rosa cantou a música “Adiós Nonino”, de Astor Piazzolla.

Depois da sessão de elogios, os jurados tomaram uma medida pouco comum na disputa: apertaram o botão dourado. Isso significa que após essa primeira audição ela foi direto para a semifinal da competição!

121073338 028ab857 4707 448b a382 ead94cd619ca - Imigrante venezuelana que cantava debaixo de ponte na Espanha vira estrela de programa de TV

Foi sem dúvidas um episódio emocionante do Got Talent, especialmente quando um grupo de idosos, seus “heróis” — como ela chama —, subiram ao palco para acompanhá-la antes da decisão dos jurados.

De acordo com o portal BBC, Rosa gosta de cantar para os idosos que trata no hospital. “Para preparar as canções de seu repertório, ela costumava ensaiar em baixo de uma ponte, onde havia boa acústica. Acabou sendo descoberta por acaso por um jornalista, que fez uma reportagem que despertou o interesse dos produtores do Got Talent España”, disse um jornalista.

120996149 r7 - Imigrante venezuelana que cantava debaixo de ponte na Espanha vira estrela de programa de TV

Leia também: Luciana Gimenez diz que gravidez de Lucas Jagger foi o momento mais difícil da sua vida: ‘’Chorei por nove meses’’

Que história extraordinária dessa enfermeira de 30 anos, mãe solo, que nasceu em Maracay, na Venezuela, e cuja voz cativou muitas pessoas na Espanha e em outros países!

Confira como foi a apresentação:

Fonte: BBC

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS






Colha o dia, aproveite o momento...