Moradora do Núcleo Tamarutaca, na Vila Guiomar, Joelma Severina da Silva participou da estreia do programa Moeda Verde, que tinha como intensão beneficiar mais de sete mil pessoas que vivem na comunidade de Santo André. Citou Joelma: “Espero que as pessoas tenham consciência de em vez de misturar resíduos recicláveis com os orgânicos, ou jogar na rua, elas troquem por comida, como eu estou fazendo”.

Para cada 1 kg de alimento é necessário 5 kg de resíduos plásticos, a troca é feita às quintas-feiras em uma praça que se encontra na rua Brasílio Machado, e funciona das 9:30 às 11 horas, funcionando duas vezes por semana. Em sua inauguração, os participantes arrecadaram 366,3 kg de recicláveis e levaram cerca de 74 kg de banana, melão, mandioca, catalonia, espinafre, alface, laranja, milho e almeirão.

Em média, 57 mil pessoas já foram beneficiadas com o programa, contando em todas as comunidades que tiveram essa iniciativa. O superintendente do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), comemorou por mais uma expansão da iniciativa. “Nós estamos inaugurando aqui a 11ª comunidade com o Moeda Verde, esse grande programa que vem se consolidando cada vez mais, trazendo qualidade na alimentação das famílias, mais limpeza e organização dos bairros e colaborando com os resíduos secos que chegam às cooperativas de reciclagem”, disse Almir Cicote.

Ivete Freire Silvério Fiorotti, é uma aposentada que acompanha de perto todas as transformações e evoluções no programa, no Núcleo Tamarutaca. Ela acredita que com esse programa problemas como descarte de materiais no local diminua.

O vice-prefeito Luiz Zacarias, gostou do programa e das melhorias que foram feitas tanto para a sociedade quanto para a Prefeitura, e abraçou a causa “O Moeda Verde chega para trazer mais transformações sociais e ambientais a essa região”, afirmou.


Fonte indicada: Ciclovivo


RECOMENDAMOS


COMENTÁRIOS




Lucas Mendes
Viciado em games, estudante de Educação Física na UFG, pai da Elisa (que ainda está pra nascer) e apaixonado por futebol. Em parceria com minha namorada Mariana, criamos a Carpe Diem com o objetivo de espalhar notícias boas e positivas. sempre antenados com a preservação ambiental.