John Rodgerson, presidente da Azul Linhas Aéreas, revelou que sua companhia aérea irá realizar de graça o transporte de qualquer vacina, desde que esteja aprovada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), para que ela seja distribuída no país. Está incluso doses que forem enviadas de outros países para o Brasil.

A notícia foi anunciada em um evento realizado no Aeroporto de Brasília nesta quarta-feira(9), com a presença do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. Após a notícia, o presidente da Azul teve uma conversa com os jornalistas.

“Em qualquer voo da Azul, nós vamos transportar de graça qualquer vacina que vier dos outros países. Nós temos toda a conectividade. Temos 800 voos por dia”, explicou ele.

Rodgerson explicou que com 5 mil doses em cada voo, será possível vacinar todo o país em apenas 2 meses. Não se tem um prazo determinado para se iniciar esses voos, porém, o presidente da Azul revela estar animado para dar início a tudo.

“Nós queremos nos livrar da covid-19 o mais rápido possível. E, por isso, nós estamos fazendo esse anúncio hoje. Porque nós queremos fazer a nossa parte”, afirmou John Rodgerson. “Foi um ano difícil para o mundo em quase todos os setores. Mas estamos aqui para dizer que a Azul está de volta. Estamos servindo 113 cidades, nós vamos voltar a crescer”, concluiu.

Fonte indicada e adaptada: Poder360

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Lucas Mendes
Viciado em games, estudante de Educação Física na UFG, pai da Elisa (que ainda está pra nascer) e apaixonado por futebol. Em parceria com minha namorada Mariana, criamos a Carpe Diem com o objetivo de espalhar notícias boas e positivas. sempre antenados com a preservação ambiental.